Há como evitar varizes?

Há como evitar varizes? Este é um ótimo assunto, mas vamos por parte.

Para saber como evitar as varizes, primeiro vamos lembrar dos fatores que provocam ou favorecem o seu aparecimento.

O mais importante fator desencadeante é a tendência genética transmitida pelos pais e deste não temos como fugir.

Os outros fatores são chamados de agravantes e destes temos como driblar alguns.

Entre os principais fatores agravantes estão as gestações, o sedentarismo, longas permanências em imobilidade, obesidade, envelhecimento e situações que ocorrem após tromboses venosas nos membros inferiores.

Então é sobre os fatores agravantes que devemos atuar.

Obviamente que quanto menor o número de gestações menor será a chance do aparecimento de varizes. Mas não é só isso. Uma gravidez que transcorra sem problemas de saúde deverá ser considerada um “estado” e não uma “doença” como alguns pensam. Sendo assim, a gestante deverá fazer atividades físicas e levar uma vida o mais próximo da habitual possível (desde que liberada pelo(a) obstetra). Natação, hidroginástica, caminhadas, Yoga, e academias de forma moderada serão bem vindas pois estarão evitando o sedentarismo e a imobilidade e contribuindo contra a obesidade. Aliás, esta última deverá ser evitada com toda a força de vontade possível.

No parágrafo anterior estava me referindo às grávidas, mas obviamente são os mesmos fatores que devem ser evitados por todos.

Quando envelhecemos, a pele tende a perder a elasticidade e ficar flácida perdendo o efeito de “meia elástica” naturalmente presente nas pernas.

Infelizmente do fator envelhecimento não temos como fugir, mas novamente o combate aos fatores agravantes já citados, contribuirá retirando-os da bagagem.

Já em relação aos estados pós trombóticos, o melhor que podemos fazer é evitar tromboses afastando, novamente, os fatores já citados (sedentarismo, imobilidade e obesidade), e principalmente não fumar e jamais associar tabagismo com anticoncepcionais. Se há história de tromboses venosas em parentes próximos, não custa consultar um hematologista ou um angiologista (cirurgião vascular) para verificar se existe algum fator genético que deva ser tratado antes que ocorra uma trombose.

Para finalizar, o uso de meias elásticas em algumas situações especiais pode estar muito recomendado (veja meu post sobre este assunto no link…).

Espero ter contribuído para esclarecer sobre como evitar varizes e agradeço pela sua leitura.

Até o próximo post.