Posso usar Laser para tratar Varizes?

Posso usar Laser para tratar varizes, é uma dúvida muito comum.

A resposta é sim, pode!

X-Laser
Ponteira Laser, Dr. Abdo Farret

Mas para cada tipo de vaso ou vasinho o Laser muda o tipo e as configurações.

Vamos explicar melhor:

As diversas técnicas disponíveis para tratamento das varizes, sejam com Laser, Radiofrequência, escleroterapia convencional ou com espuma, têm uma coisa em comum. Todas tratam os vasos pela sua destruição. É um engano achar que o Laser vai “desobstruir” os vasos tratados.

Mas não se preocupe, pois é isso mesmo que precisa ser feito; eliminar as varizes!

Os vasinhos ou Microvarizes recebem o nome técnico de Telangiectasias. Para elas o tratamento a Laser costuma ser feito no consultório, na clínica, sendo um procedimento ambulatorial.

As pequenas varizes, maiores que os vasinhos, mas com até 3 milímetros de diâmetro também podem ser tratadas na clínica e de maneira ambulatorial.

O princípio do tratamento pelo Laser transcutâneo (através da pele) é lançar uma luz com alta energia concentrada que tem afinidade com a cor do vaso tratado, para que quando este for atingido seja assim, eliminado.

Como as veias têm calibres, tonalidades e profundidades diferentes, o Laser tem vários ajustes a serem realizados para que a luz do Laser elimine os vasos tratados de forma específica.

XLaser
Laser Dr. Abdo Farret

Comece a perceber que este equipamento tem que ser utilizado por médicos experientes e responsáveis.

Também entenda que apesar do equipamento de Laser ter uma alta tecnologia, ele não é “milagroso” e tem suas limitações.

Uma delas como já foi dito é o diâmetro da veia tratada, outra é a cor da pele, pois peles mais escuras, ou muito bronzeadas absorvem a energia do Laser antes do vaso alvo ser atingido, podendo até haver queimaduras, manchas ou despigmentação nos locais dos disparos.

Outra coisa que deve ser lembrado, é que nem o Laser, nem as outras técnicas eliminam a tendência genética da pessoa em ter varizes.

Um grande diferencial para o tratamento com Laser como terapia única, é não haver “agulhas” e nada ser injetado.

Finalizando fica a dica; nada é mágico, tudo em medicina precisa ser ponderado sobre quais são as melhores opções para tratamento daquela patologia, naquele momento para aquele paciente!

 

Um abraço!